Textos



Temos sorte por nos interessarmos em actividades em que o cérebro está em constante desafio.
Nesta profunda vontade de aprender.
Neste reinventar ideias usando as palavras e sentimentos de sempre.
Neste sonhar e racionalizar sem parar.
Neste diálogo profícuo, em que soltamos emoções.

... Os outros estranham, dizem que andamos fora da realidade!
Mas na realidade perdem-se valores e conhecimento, na realidade as pessoas vivem fechadas em si mesmas.
Na realidade surgem as depressões e tantas outras maleitas.
A realidade é cruel, cega e castrante.

Vivam aqueles que alimentam de sonhos a sua lucidez!
Maria Petronilho
Enviado por Maria Petronilho em 14/04/2009


Comentários


Imagem de cabeçalho: inoc/flickr