Textos





anseio a brisa passando
difusamente por entre
as nuvens que
entardecendo
viajam no infinito
quase posso tocá-lo
com os dedos estendidos
no vazio onde pressinto
a tua essência pairando
um desejo latejando
na minha pele aflorando
a suavidade
de um beijo.
Maria Petronilho
Enviado por Maria Petronilho em 28/07/2013
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Maria Petronilho (registo www.igac- ref 2276/DRCAC - Ministério da Cultura, Portugal)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: inoc/flickr