Textos




“QUEM SOU ?...” : - Caio Lucas -

1º - a) Nome -;- Idade (o ano de nascimento é facultativo
a) - :Caio Lucas 28/05/1948
b) Profissão
b) - :Comerciante
c) Morada (não publicamos endereços de e-mail)
c) - :São Paulo - SP
d) - Quer falar um pouco da terra onde mora ?
d) - :São Paulo é aquela cidade que é uma delícia de morar, de viver, construir alguma coisa para o futuro.
Sou apaixonado por esta cidade, onde você encontra de tudo, até um aprendiz de poeta chamado Caio Lucas!

2º - a) Quando começou a escrever ?
a) - :Sempre escrevi, desde antes de saber ler
b) Teve a influência de alguém para começar a escrever ?
b) - :Temos sonhos e eles nos levam a escrever
c) Lembra-se do seu 1º trabalho literário (se puder, indique o título)
c) - :Não lembro mais
d) Foi divulgado (como)
d) - :Tudo começa pelos amigos...

3º - a) Tem livro (s) impresso (s) (editora e ano) ?
a) - :Tenho, Letras de um Poeta, editora Scortecci, 2004, e participação em outros
b) Tem livro (s) electrónico (e-book ? (editora e ano)
b) - :Não, só poucas participações em alguns, inclusive no Cá entre nós/ dia das Mães
c) Projectos literários para este ano e para 2005 ?
c) - :Não tenho nenhum projeto para o futuro, apenas escrevo...
d) Como vão ser editados ?
d) - :Não sei...

4º - a) Fale-nos um pouco de si, como pessoa humana ?
a) - :Sou um homem extremamente simples, de modos simples, a vida é simples, por que mudar?
b) Como Escritor (a) ?
b) - :Escrevo sentimentos, paixões, amores, vidas em comum, escrevo Caio Lucas, literalmente.
c) Para se inspirar literariamente, precisa de algum ambiente especial ?
c) - :Não, a inspiração está dentro de você
d) Tem prémios literários ?
d) - :Não ganhei nada, até duvido que me lêem.

5º - a) Tem Home Page própria
a) - :www.caiolucas.mayte.us
b) Que conselho daria a uma pessoa que começasse agora a escrever ?
b) - :Não dou conselhos e nem faço críticas


caiolucas02@uol.com.br

http://www.caiolucas.mayte.us/
http://www.pedemeia.net/caiolucas.htm
http://www.recantodasletras.com.br/autor.php?id=515

***
Minhas Escritas



Meu e teu navegar
by-Caio Lucas

Poderia navegar em teus sonhos,
derrubar tuas barreiras, acabar com as fronteiras,
até abrir as comportas dos teus poréns,
fazer um mar das loucuras que sonhei,
também voltar um dia ou dois no passado.

Deveria ser maré imperfeita como a paixão,
viajar em espelhos d'agua salgando lágrimas,
saber o porquê deste teu jeito de fazer amor,
se tu tens este fogo que me enlouquece,
fazes também esta cara de quem não sabe dizer não.

Vou navegar entre tuas promessas e a minha verdade,
não preciso de ser omisso, te quero viajante,
tenho linhas retas em oceanos que nem a paixão sabe,
sou o último momento, porque não o teu porto,
já sofremos muito pelo que causa este mal de amor.

Tenho um resto de vida para navegar nesta canção,
deixa que o sol queime, a lua vai refrescar a dor,
se um querer tão grande assusta, deixa estar, fica perto,
solto as amarras deste nosso barco maior, faremos tudo,
como se fossemos novos navegantes, deixa-nos sonhar.







Maria Petronilho
Enviado por Maria Petronilho em 22/12/2006
Alterado em 22/12/2006
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Maria Petronilho (registo www.igac- ref 2276/DRCAC - Ministério da Cultura, Portugal)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: inoc/flickr